Jogando contra o tempo por Julio Cesar

Descrição

  
Escritor Atualizado 2 anos atrás
Idioma Portuguese Leituras 466
Categoria

Ficção

Curado

information
Este ebook foi avaliado por curadores selecionados pelo time do Widbook.
Publicado Ago 15, 2014 Popular

Status Escrevendo

Gostaram do livro Jogando contra o tempo

Adicionaram Jogando contra o tempo à Coleção

Linha do tempo de Jogando contra o tempo

Caretas e desbundados, discoteca e rock'n'roll... Te convido a ler PRIVILEGIADOS, meu primeiro romance. Uma história sobre amor, sexo, drogas e muita putaria setentista!
25 de Julho de 2015 às 01:19
Parou por quê? Continua essa bagaça, cara!
28 de Março de 2015 às 22:44
Capítulo inicial reformulado, dividido agora entre prólogo e capítulo 1. Fiz algumas alterações e inclusões de conteúdo em relação à versão anterior. Algumas baseadas em feedbacks que recebi tanto aqui, quanto de meus amigos que leram. Pode ainda não ser a versão definitiva, mas creio que consegui passar melhor a mensagem que eu queria nessa versão. Críticas construtivas e sugestões sempre são bem vindas, bem como a opinião ou comentário. Ia esperar para postar o capítulo 2 junto com o que postei agora, mas ele ainda não está do jeito que eu quero, mas tão logo eu consiga terminar, eu posto aqui também... Vlwss
18 de Setembro de 2014 às 03:51
Olá Julio ! Gostaria de convidar para a leitura de meu primeiro livro da serie: Gregório! Já se encontra disponível por completo! Adicionarei seu livro para ler Breve! Um grande abraço! Alex
Julio Cesar 21 de Agosto de 2014 às 19:49 Ok, Alex. Vou verificar. Caso seu estilo me interesse, certamente lerei.
20 de Agosto de 2014 às 13:17
Olha, cara, se eu encontrei disposição para comentar o seu livro às 5:50 da madruga, é porque acho que ele realmente pode render uma boa história; então vou te dar algumas dicas, okay? Primeiramente, revise seu texto antes de postar. É sério. Eu encontrei muitos erros como repetição desnecessária de palavras e até de digitação. Tente variar o vocabulário e usar sinônimos. Sei que nem sempre uma palavra equivalente vem à cabeça, mas Google e Word estão aí pra essas coisas. Segundo: detalhe mais a história. Eu, pessoalmente, não gosto de ter que ficar imaginando como as coisas podem ser. Prefiro que o autor descreva bem tudo o que está acontecendo. Além de deixar seu texto mais profissional, também vai "esticá-lo" bastante. Só não exagere. Bom, por enquanto é isso. Gostei muito do seu ebook (até porque, se não fosse o caso, eu não teria lido tudo) e espero que você aprimore sua história ao máximo. Sei que você tem muito a oferecer. Ah, e para qualquer outra pessoa que esteja lendo meu comentário: vale a pena ler sim, hein.
Daniel Santos 16 de Agosto de 2014 às 09:17 E pra te dar um help também, aqui vai um link de um documentário suuuuper maneiro sobre o acidente nuclear de Chernobyl, ou seja: radiação, mortes, áreas inabitáveis e blá, blá, blá. Acho que é do seu interesse: https://www.youtube.com/watch?v=iaYkMFDYptM Ah, e é claro: eu também gostaria muito que você desse uma olhada no ebook que eu estou escrevendo, "Clamor de Espadas". Não posso perder a oportunidade de divulgar, né? Bem, se você ler e gostar, não esqueça de comentar, favoritar e adicionar à sua biblioteca, okay? Boa sorte aí, Zé!
Julio Cesar 16 de Agosto de 2014 às 19:30 Daniel, muito obrigado por ter lido e comentado. E realmente concordo com você. Postei esse primeiro capítulo porque queria saber o que quem vê de fora acharia, sem ter ideia de qual seria o assunto do livro - visto que propositalmente não coloquei nenhuma sinopse nem informei do que ele trataria. O objetivo era realmente saber se esse primeiro capítulo despertaria interesse no restante da história. Fiquei cerca de uma semana sem escrever nada para tentar reler depois sem a "euforia" de me orgulhar do que estava escrevendo e notei, como leitor, que o ritmo da leitura não esta exatamente como imaginei que estaria enquanto estava escrevendo e também notei os erros de repetição que você mencionou... por isso creio que, mantendo o tema central, vou dar uma reformulada nesse primeiro capítulo e incluir antes um prólogo, pois dada a situação do livro, acho que muita coisa precisa ser explicada sobre a situação mundial/tempo/espaço em que se passa, e acho que isso acabou deixando o primeiro capítulo um pouco sobrecarregado - introduzindo um ambiente nada convencional e personagens simultaneamente. Na verdade essa foi minha primeira tentativa e já sabia que haveria muita coisa a melhorar mesmo. E agora sei mais do que há uma semana o que pode ajudar nisso. Novamente obrigado pela opinião. E vou ler o seu sim. Em breve posto minha opinião sobre ele também.
16 de Agosto de 2014 às 08:54