Os opostos gemem nos polos por Enia Celan

Descrição

  
Escritor Atualizado 9 meses atrás
Idioma Portuguese Leituras 572
Categoria

Poesia

Curado

information
Este ebook foi avaliado por curadores selecionados pelo time do Widbook.
Publicado Dez 19, 2014 Popular

Status Escrevendo

Gostaram do livro Os opostos gemem nos polos

Adicionaram Os opostos gemem nos polos à Coleção

Linha do tempo de Os opostos gemem nos polos

Enia, para você e todos os poetas Parabéns pelo seu dia... para essa tarde degustei a sua página com a poesia "Vermelho" calorosa, ...beijos
Enia Celan 23 de Março de 2016 às 19:46 É o meu poema favorito, o fiz para um jovem que morreu atropelado por um caminhão mais tarde, triste não?
21 de Março de 2016 às 22:05
Sensacional, juntar a poesia e dar um toque de erotismo. Acredito eu, que a poesia pode fazer isso, mesclar a beleza das coisas puras, com as provocantes de um jeito que não seja vulgar.
24 de Setembro de 2015 às 20:37
"Estes são os versos falidos de um poeta sem futuro." VERSOS FALIDOS, por Dowglasz Abjhörsky. Já que todo mundo manda spam no Widbook e o meu livro é tão ruim que eu dependo mesmo desta técnica para ter visualizações, eu achei que não faria mal te convidar pra dar uma olhada no meu trabalho.
24 de Junho de 2015 às 04:24
Olá, te convido pra ler meu livro EM CHAMAS https://www.widbook.com/ebook/untitled-0ad44mjqyndi4
6 de Junho de 2015 às 14:40
Até agora só li metade, mas me agradou os traços sujos, melancólicos e eróticos em sua poesia, cada palavra parece arranhar nossas entranhas, e isso é um elogio quando se trata de melancolia em poesia.
Enia Celan 23 de Março de 2015 às 21:16 eu fico intimidada com elogios, não sei lidar com eles eu acho, mas se são sinceros, meu muito obrigada! Aguardo mais capítulos seus...
23 de Março de 2015 às 18:12
Eu gostei de praticamente todos os seus poemas. Você tem muito talento, parabéns!
Enia Celan 25 de Dezembro de 2014 às 18:09 mas o dia em que forem muito bons vou fechar um livro só com 12 poemas! Gostei muito dos teus!
25 de Dezembro de 2014 às 14:07