O Poeta Ama.Dor ! por Gleidson dos Santos

Descrição

  
Escritor Atualizado 2 anos atrás
Idioma Portuguese Leituras 651
Categoria

Poesia

Curado

information
Este ebook foi avaliado por curadores selecionados pelo time do Widbook.
Publicado Out 14, 2014 Popular

Status Escrevendo

Gostaram do livro O Poeta Ama.Dor !

Adicionaram O Poeta Ama.Dor ! à Coleção

Linha do tempo de O Poeta Ama.Dor !

Discoteca e rock'n'roll, caretas e desbundados... Te convido a ler PRIVILEGIADOS, meu primeiro romance. Uma história sobre amor, sexo, drogas e muita putaria setentista!
31 de Julho de 2015 às 14:55
"Estes são os versos falidos de um poeta sem futuro." VERSOS FALIDOS, por Dowglasz Abjhörsky. Já que todo mundo manda spam no Widbook e o meu livro é tão ruim que eu dependo mesmo desta técnica para ter visualizações, eu achei que não faria mal te convidar pra dar uma olhada no meu trabalho.
24 de Junho de 2015 às 04:06
Olá, convido você pra ler meu primeiro livro de poesia EM CHAMAS https://www.widbook.com/ebook/untitled-0ad44mjqyndi4 Raquel.
5 de Junho de 2015 às 22:11
Muito bom Gleidson, a sua poesia é bem diferenciada e é disso que a literatura brasileira está precisando, poetas inovadores, ousados. Gostei bastante dos seus versos, são leves e encantadores, os trocadilhos são o charme da obra. Abraço.
25 de Março de 2015 às 21:52
O mais difícil pra nós poetas é sermos originais quando tudo já parece ter sido explorado, mas sempre tem um jeito de dizer a mesma coisa de uma forma diferente... " desapegai, pegadas no beijo do mar na espuma tóxica no raio eficaz " (Avante - Enia)
Gleidson dos Santos 13 de Março de 2015 às 12:06 Bela poesia, que descreve exatamente como sinto ao escrever, mas ser poeta é isso brincar com as palavras, e quando uma brincadeira já não mais nos alegra, significa que é hora de reinventar-se e redescobrir-se, criar uma nova brincadeira, que nos faça criança novamente, descobrindo as palavras como se fosse a primeira vez.
7 de Março de 2015 às 03:03
Gosto muito do título, espero por mais capítulos... Abraço
Gleidson dos Santos 13 de Março de 2015 às 11:56 Fico feliz por ter gostado, assim que minha mente procrastinadora e nada criativa permitir terá mais capítulos, espero que continue a acompanhar. Muito obrigado Enia Celan, suas críticas e sugestões são muito bem-vindas e extremamente necessárias.
7 de Março de 2015 às 02:55
Adorei seu livro e os seus versos <3 tá nos meus favoritos!!
Gleidson dos Santos 3 de Março de 2015 às 11:14 Muito obrigado Anna Baccarat por teus elogios, mas devo agradecer a Deus por este dom, mesmo que eu considere meus escritos simplórios, forçados e clichês, e às vezes, tão superficiais. Fico muito grato e feliz por favoritá-lo, espero um dia ser capaz de escrever tão bem e tão profundamente quanto você, já aproveito a oportunidade para parabenizá-la e confessar minha admiração e que já senti de ti um puco de inveja, desculpe-me! Mais uma vez meus sinceros agradecimentos!
26 de Fevereiro de 2015 às 20:31
Gostei de seus versos, são simples e ousados. Realçam o amor em sua plenitude, platônico ou não. Continue escrevendo.
Gleidson dos Santos 25 de Fevereiro de 2015 às 15:34 Fico feliz por teu comentário Odilon, ainda mais por ser de um escritor que admiro, autor do maravilhoso livro Anjo Verde!
5 de Janeiro de 2015 às 23:44
Gostei dos versos. Sempre adiante.
Gleidson dos Santos 25 de Fevereiro de 2015 às 15:30 Agradecido pelo apoio Lee Go !
23 de Janeiro de 2015 às 22:59
Muito bom! Eu também tenho essa mania deliciosa de escrever mais com o som do que com o sentido...rsrs Acho que me entendes muito bem! rs ;) Parabéns, poeta!
Gleidson dos Santos 27 de Dezembro de 2014 às 11:14 Sim, te compreendo muito bem. Muito obrigado Leonidas, mas sou apenas um Poeta Ama-dor !
17 de Dezembro de 2014 às 18:48
muito bom mesmo, só li dois poemas e já fiquei encantada, estou aguardando os proximos, meus prarbaéns a voce sir g
Gleidson dos Santos 9 de Dezembro de 2014 às 00:49 Muito obrigado M. S. Fernandes, fico feliz que tenha lido e surpreendido que minhas simples palavras tenham a encantado, espero que continue a acompanhar.
M. S. Fernandes 9 de Dezembro de 2014 às 11:38 com certeza vou continuar lendo.
3 de Dezembro de 2014 às 10:33
Cosmos, fico feliz que tenha gostado, muito obrigado por ler meu livro, o uso do nome Sofia é exatamente este, por significar sabedoria ! Espero que continue a acompanhar meus escritos, críticas e sugestões são bem vindas!
28 de Novembro de 2014 às 00:24
Cosmos, fico feliz que tenha gostado, muito obrigado por ler meu livro, o uso do nome Sofia é exatamente este, por significar sabedoria ! Espero que continue a acompanhar meus escritos, críticas e sugestões são bem vindas!
28 de Novembro de 2014 às 00:24
Gostei da Segunda poesia, uma rima gostosa de se ler, com um jogo de palavras bem escrito e, ainda mais tratando de Sofia=Sabedoria.
27 de Novembro de 2014 às 03:24